Conheça as diferenças entre o HD e o SSD

ssd

Ter um bom dispositivo de armazenamento é fundamental para o funcionamento de qualquer computador, e as opções disponíveis no mercado podem ser bastante variadas (e, por vezes, até confusas). Os dois principais tipos de dispositivos são o disco rígido (HD) e o drive de estado sólido (SSD). Embora ambos possam ser usados como armazenamento secundário, eles possuem algumas diferenças importantes que devem ser levadas em conta na hora da escolha. Conheça as diferenças entre o HD e o SSD.

Capacidades do HD vs. SSD

Uma das principais diferenças entre os dois é a capacidade de armazenamento.

O disco rígido geralmente tem uma capacidade maior, podendo ser encontrado em tamanhos que variam de 500GB a 4TB. Já os drives de estado sólido (SSD) tendem a ter capacidades menores, com tamanhos que variam entre 128GB e 1TB.

Isso significa que os discos rígidos são mais adequados para usuários que gostam de armazenar muitos arquivos grandes, como PDFs , fotos e vídeos, enquanto os drives de estado sólido são melhores para usuários que precisam de menos espaço de armazenamento e mais velocidade de carregamento.

Velocidade de leitura e registro do HD e do SSD

Outra diferença importante entre os dois dispositivos é a velocidade de registro. Os discos rígidos usam uma técnica chamada gravação magnética para armazenar dados, enquanto os drives de estado sólido usam uma técnica chamada gravação flash. A gravação magnética é mais lenta do que a gravação flash, o que significa que os HDs tendem a ser menos rápidos que os SSDs.

Assim, os discos rígidos podem ser melhores para usuários que precisam de uma grande quantidade de espaço de armazenamento, mas não precisam de velocidade de registro muito alta, enquanto os drives de estado sólido são melhores para usuários que precisam de velocidade de registro mais alta. Se você gosta de jogar, por exemplo, um SSD carrega os modelos mais rapidamente e o tempo de loading é bem menor.

SSD portátil

Principais problemas do HD e consumo de energia

Os discos rígidos danificam se sofrerem danos físicos, como choques e quedas, enquanto os drives de estado sólido são mais resistentes. Isso significa que os discos rígidos podem ser mais propensos a falhas, enquanto os SSDs são mais confiáveis. Por ter uma agulha “física”, o HD tem peças quebráveis dentro dele.

Outra diferença importante entre os dois dispositivos é o consumo de energia. O HD consome mais energia do que o SSD, pois ele precisa de uma fonte de energia constante para manter os dados armazenados. Isso significa que os discos rígidos podem ser menos eficientes em termos de consumo de energia, o que afeta a duração da bateria em notebooks e outros dispositivos móveis.

Outro ponto que pesa, porém, é que os SSDs são geralmente mais caros do que os HDs. Isso significa que os usuários precisarão gastar mais dinheiro para obter uma capacidade de armazenamento equivalente em um drive de estado sólido em comparação com um disco rígido. No entanto, a maior velocidade de registro e a maior confiabilidade dos drives de estado sólido podem justificar o custo adicional para alguns usuários.

LEIA MAIS:

Como obter o Microsoft Office gratuitamente – Tecnofanias

Descubra as diferenças entre as telas de celular OLED e LCD – Tecnofanias

Total
0
Shares
2 comentários
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens relacionadas
WordPress Ads