Nova política da Netflix é recebida com críticas

Aos poucos o mistério vai sendo revelado. A Netflix já anunciou como pretende fiscalizar o cumprimento da nova política de uso do aplicativo, que tem o objetivo de acabar com o compartilhamento de senhas. É claro que a medida não caiu nas graças dos amantes da sétima arte.

A empresa vai identificar o IP do dono da conta, mapeando as conexões de rede Wi-Fi e utilização nos dispositivos conectados. A Netflix então vai bloquear o acesso de quem se conectar fora do IP do dono, exigindo um código de liberação, enviado para o e-mail do dono da conta, para permitir o uso fora do domicílio por 7 dias.

As medidas estão previstas para entrar em vigor nos Estados Unidos entre o final de março e começo de abril. Ainda não se sabe quando (ou se) esse ferrolho será implantado no Brasil. De qualquer forma, as reclamações já reverberam aos montes nas redes sociais. Vamos conferir:

Alguns questionam a política – e as diretrizes comerciais da empresa – de forma mais profunda;

“Essa é uma decisão louca da Netflix, tipo… Eles estão cientes de relacionamentos à distância, jovens na faculdade e pessoas pobres, certo?”
“A coisa mais engraçada sobre toda essa situação da Netflix é que eles acham que o compartilhamento de senhas é o que está fazendo eles perderem dinheiro, quando na verdade é o catálogo escasso e o cancelamento dos títulos mais populares”.

Outros decidiram se manifestar pelo humor;

Tem coisas que não envelhecem bem… Foi o caso desse tweet da Netflix em 2017, afirmando que uma das formas de expressar amor era compartilhando a senha.

Óbvio que a internet não ia perdoar – teve até perfil corporativo tirando sarro;

Enquanto aguardamos os próximos capítulos, só nos resta rir.

LEIA MAIS:

Total
0
Shares
1 comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens relacionadas
WordPress Ads